Programa XX Encontro Anual APECSP

A Associação Portuguesa de Enfermeiros de Cuidados de Saúde Primários tem estado a acompanhar com atenção as informações e orientações relacionadas com o surto do Covid-19, e perante as orientações da DGS no sentido de suspender eventos públicos que reúnam um grande número de pessoas e dado que o nosso XX Encontro Anual implicaria, também, viagens de avião consideramos mais prudente proceder ao adiamento do evento para data ainda a definir.

Agradecemos toda a compreensão e esperamos em breve poder anunciar nova data para a realização do nosso XX Encontro Anual.

 

Adiado para data a definir

XX Encontro Nacional APECSP

20 Anos de História… Um Compromisso para o Futuro

Local: Ilha da Madeira

Escola Superior de Enfermagem S. José de Cluny

27 e 28 de março de 2020

 

27 de março

9h00 – Abertura do secretariado

9h30 – Conquistas e desafios da saúde pública e comunitária

Moderadora: Patrícia Câmara (Professora Adjunta da ESESJCluny)

Metodologia da elaboração do diagnóstico e identificação dos problemas de saúde – Isabel Correia (ACeS Lisboa Ocidental e Oeiras – USP)

Perspetiva da Região Autónoma da Madeira – Ana Clara Silva (Adjunta da Vice-Presidência do Governo da RAM)

 

10h15 – Mais que modas, consensos e recomendações sobre alimentação

Moderadora: Wilma Lopes (ACeS Porto Ocidental – UCC Boavista)

Na Pré-conceção e Gravidez  – Cristina Valentim (Enf. EESMO e Parteira independente)

Nos primeiros anos de vida – Rute Gonçalves (Serviço de pediatria do Hospital Dr. Nélio Mendonça)

 

11h00 – Intervalo

 

11h30 – Sessão Solene de Abertura

Secretário Regional da Saúde – Pedro Ramos (a confirmar)

Presidente da Câmara Municipal do Funchal – Miguel Gouveia (a confirmar)

Bastonária da Ordem dos Enfermeiros – Ana Rita Cavaco (a confirmar)

Presidente da Secção Regional da Ordem dos Enfermeiros da Madeira – Nuno Neves

Presidente da Junta de Freguesia do Monte – Maria Idalina Silva

Presidente do Conselho de Administração do SESARAM, E.P.P – Rafaela Fernandes

Presidente do Conselho de Direção da ESE S. José Cluny – Merícia Bettencourt

Presidente da APECSP – Olga Pousa

 

12h45 – Almoço livre

 

14h15 – Saúde Escolar

Moderadora: Ana Maria Gouveia (Enfermeira Adjunta para os CSP, SESARAM, EPE)

A Saúde na Escola: um projeto em construção – Fátima Claro e Luís Seixo (ACeS Baixo Mondego – UCC Farol do Mondego)

Ensino na comunidade escolar sobre a gestão da diabetes tipo 1 na criança – Luz Rodrigues e Aldora Esteves (Enfermeiras do SESARAM, EPE)

 

15h15 – Promover a vacinação, proteger a saúde

Moderadora: Olga Pousa (ACeS Porto Ocidental – USF Garcia de Orta)

Novo PNV, antigas batalhas – Amélia Cavaco (HPM Funchal)

Redes Sociais e o (in)sucesso da vacinação – Bernardo Camacho (Serviço de pediatria do Hospital Dr. Nélio Mendonça)

(Re)Conquistar os pais para a vacinação – Vítor Marques (ACeS Baixo Mondego – USF Norton de Matos)

 

16h30 – Encerramento

 

Programa Social

 

28 de março

9h00 – Comunicações Livres

10h30 – Intervalo

11h00 – Regulação Emocional

Moderadora: Luísa Gonçalves (Professora Adjunta da ESESJCluny)

Depressão e suicídio na adolescência – José Carlos Santos (ESEnfC)

Cuidados paliativos no domicílio – experiência da RAM – Luísa Baeta (Enfermeira chefe da unidade de cuidados paliativos do SESARAM, EPE)

 

11h45 – Conferência – Competências de Enfermagem Comunitária e Familiar no desenvolvimento profissional

Moderador: José Hermínio Gomes (ESENFC)

Luís Filipe Barreira (Vice-Presidente da Ordem dos Enfermeiros) (a confirmar)

 

 12h30 – Almoço livre

 

14h00 – Quando o problema é a Diabetes…

Moderador: Fátima Soares (CHBM – Urgência Pediátrica)

Diagnóstico de enfermagem diferencial: úlcera diabética – Cátia Neves (Enfermeira do SESARAM, EPE. Coordenadora do Conselho Regional da ELCOS-RAM)

Diagnóstico de neuropatia periférica – a principal causa de lesões do pé! – Luís Prata (APDP)

 

14h45 – Conferência – Contemporaneidade no tratamento de feridas

Moderador: José Lima (ACeS Gondomar – UCC Inovar)

Carlos Cancela (ACeS Porto Ocidental – USF Garcia de Orta)

 

15h20 – Espaço Laboratório

 

15h45 – Entrega de Prémios

 

16h00 – Encerramento do Encontro

 

16h10 às 18h00 – Workshops Pós-Congresso (Gratuitos mas com inscrição obrigatória e limitada a 30 participantes)

  • Terapia de Pressão Negativa
Preletor: Carlos Cancela
Enfermeiro na USF Garcia de Orta do ACeS Porto Ocidental, Especialista em Saúde Comunitária, Docente na área do Tratamento de Feridas.
Fundamentação: A Terapia por Pressão Negativa (TPN) é um tratamento avançado para feridas complexas que funciona a favor de todos os conceitos conhecidos sobre a cicatrização.
É uma mudança de paradigma no tratamento de feridas complexas, baseado num processo mecânico simples. Sendo um método dispendioso mas custo-efectivo, requer uma formação específica para optimizar a sua aplicação.
  • Saúde em Movimento

Preletora: Sónia Pinto1

1 Enfermeira na USF CoimbraCelas (ACES Baixo Mondego), Estudante MESF na UAveiro; Formadora em saúde, igualdade de género e danças afro-latinas.

Objetivos:

– Conhecer as implicações da dança na qualidade de vida, os benefícios e os ganhos em saúde;

– Identificar possíveis grupos alvo para a utilização da dança como intervenção de enfermagem;

– Conhecer e identificar ritmos Latino-Americanos e Latino-Africanos.

Fundamentação: A prevenção primária é uma das intervenções de enfermagem que é vital para a promoção da saúde, na perspetiva do utente em particular e até mesmo numa perspetiva familiar. A utilização da dança como nova “Skill” dos enfermeiros e como intervenção de enfermagem, já é considerado pela literatura uma mais valia. Assim sendo, o estudo, a educação e o treino da dança em enfermagem, permite a aquisição de novas competências e da melhoria contínua no desempenho profissional dos enfermeiros.

Resumo: Numa sociedade em constante transformação e evolução, é importante a aquisição de novas competências por parte dos enfermeiros, que sejam apelativas e que permitam o atingimento dos seus objetivos. A dança é uma ferramenta considerada por alguns autores de topo no que respeita aos ganhos em saúde e que pode ser utilizada pelos enfermeiros na sua prática clínica. Este Workshop visa dar a conhecer como a dança poderá ser implementada em projetos  e programas de intervenção e como uma intervenção de enfermagem para promover a saúde dos seus utentes. Este workshop, permite ainda aos participantes a aquisição de novas competências na dança para utilização da mesma no seu contexto profissional e pessoal.

Metodologias utilizadas no workshop:

Expositiva: Exposição dos conteúdos;

Demonstrativa: Demonstração dos ritmos e movimentos corporais

Ativa: Participação ativa dos participantes na execução dos passos e movimentos

 

  • Abordagem integral do enfermeiro numa situação de anafilaxia, em contexto de CSP

Preletores: Nicolau Pestana e Hugo Gonçalves (Enfermeiros especialistas médico-cirúrgica. Centro de Simulação Clínica da Madeira, SESARAM, E.P.E.).

 Fundamentação: “O programa contemplará uma apresentação teórica sobre a anafilaxia, nomeadamente, definição, fisiopatologia e algoritmo de atuação fundamentado pela norma da DGS.”

Objetivo: Desenvolver conhecimentos sobre anafilaxia, a sua fisiopatologia, sinais e sintomas, bem como, sobre a atuação em situação de emergência por anafilaxia, em contexto de cuidados de saúde primários.

 

  • Comunicação de más notícias em saúde

Preletora: Rita Figueiredo (Professora Adjunta da ESESJCluny)

Fundamentação:”É extremamente complexo transmitir ao doente/ família informações que vão alterar drasticamente e negativamente as suas expetativas em relação ao futuro.”

Objetivo: Pretendemos neste workshop refletir sobre os protocolos de transmissão de más notícias em saúde.